An unforgettable criminal

Publicado: 27/09/2006 em Uncategorized


Uma das eternas músicas nas minhas eternas listinhas é “Criminal”, de Fiona Apple. Para quem não conhece, vale a dica. Aliás, Fiona Apple dificilmente não vale a dica. Mas, enfim, sabe quem decidiu regravar a musiquinha? Natalie Cole. A musa lança um álbum com os compositores que serviram de inspiração para sua carreira de 19 álbuns (20 com esse, intitulado “Leavin”). Estão ainda no pacote: Neil Young, de quem ela emprestou “Old Man” e, é óbvio, Nossa Senhora de Aretha Franklin, homenageada por Cole com uma versão de “Day Dreaming”. Essa canção será o primeiro single do CD.



Freak & Shows
* Pra quem vive fuçando coisas no You Tube, procura lá o clipe da nova música do Moby em parceria com Debbie Harry (Blondie), chamada “New York, New York”. Segundo a EMI, o clipe é uma versão alternativa para o oficial, que sai no dia 23 de outubro, mesmo dia de lançamento do single. A música é uma inédita enfiada no greatest hits do rapaz, que será lançado no dia 06 de novembro.
Atenção: o vídeo não é recomendado para quem tem fobia de chihuahuas.

* Tava com saudade das maluquices do Sting? Ele volta no próximo mês, com regravações de John Downland, um luthier e compositor dos séculos XV/XVI, no álbum “Songs from the Ladyrinth”. Sobre a obra de Downland, Sting comentou: “são canções pop escritas por volta de 1600”. Ok.

* Furo do blog do Lúcio Ribeiro, óbvio: Foo Fighters abrirá o show do The Who no Brasil em 2007. Alguém duvida que será mais um mal-entendido de platéias como foi o Franz abrir para o U2 esse ano? Alguém duvida que são dois shows que poderiam muito bem render duas belíssimas noites? Mas alguém também duvida que poderemos todos nos surpreender com o resultado dessa bagunça?

comentários
  1. Giul Martins disse:

    eu considero a fiona algo bom de se sugerir – desde que a pessoa já conheça as divas…rs – adoro criminal, uma puta musica (sem trocadilhos…rs) Eu não gosta da n. cole mas esse disco pode ser curioso de se ouvir… eu espero que o lucio ribeiro aceite uma proposta de serviço na malásia… the who sem moon é como a noite sem a lua (trocadilho infame…rs)

  2. thiago roque disse:

    fiona apple pra presidente! mas acho que vale a pena, além de criminal (que, talvez, seja uma das músicas mais viscerais do mundo), shadowboxer, do mesmo álbum – com um pianinho que arrepia a espinha. beijo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s