Tic-tacs e ufanismos

Publicado: 06/03/2008 em Uncategorized

Tic Preste atenção nessa capa, querido leitor. Que a RS sempre foi política, ninguém discute. Mas, dessa vez, ela decidiu se unir a Neil Young, Bruce Springsteen e, por que não?, Eddie Vedder na luta para mudar aquele paisinho onde ela se originou, e tirar o homem que tá lá no governo, fazendo uns estragos aí. Ou eu tou exagerando? Será que a música pode mudar o mundo em pleno 2008?

Tac No filme “Viagem a Darjeeling”, os irmãos Whitman, protagonizados pelos ótimos Owen Wilson, Adrien Brody e Jason Schwartzman, se perguntam: “Se não fôssemos irmãos, será que seríamos amigos?”. Quanto aos irmãos Chris e Rich Robinson, pode-se perguntar quaaase a mesma coisa: “Se não fossem o Black Crowes, será que seriam amigos?”. A resposta, aparentemente, é não. “Fora do mundo da música, provavelmente não falaríamos um com o outro. É assim que as coisas são”, declara Rich à mesma Rolling Stone.

Tic Pode experimentar que não morde: A música “Cannot Get Sicker”, de Adam Green, o homem por trás da banda indie The Moldy Peaches, hit da trilha sonora do filme “Juno”. Torceu o nariz para a palavra “indie”? Leia de novo: jogue-se sem dó. É uma espécie de suruba entre Alicia Keys, Joss Stone, Beck e Cake. A canção faz parte do álbum solo que Green ainda não lançou, “Sixes & Sevens”: www.myspace.com/adamgreen1

comentários
  1. Di Giacomo disse:

    Tac: Boa mesmo é a banda Milhouse. Ouça em myspace.com/milhouseabanda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s