You could Have it So Much Better

Publicado: 16/01/2009 em Uncategorized

Podemos dizer que o Franz Ferdinand pautou seus últimos passos no desperdício. Primeiro, desperdício de título: “Tonight”, que nomeia o terceiro e já vazado álbum, deveria ser o título do segundo. Que, por sua vez, chamava-se “You Could Have it So Much Better”, nome que cairia perfeitamente a esse terceiro CD.

Para quem viu a banda escocesa começar seu segundo álbum com petardos como “The Fallen” e “Do You Want To”, entrar no clima de “Tonight” não é coisa fácil. A tímida “Ulysses” parece começo de balada, quando você está lá, a caminho da primeira cerveja, sentindo o cheiro de gelo seco invadir suas narinas e tentando constatar alguém interessante à sua volta. É o momento da expectativa de que a próxima música – e o próximo cara que entrar no local – poderão te fazer mais feliz. Mas o clima continua morno até “No You Girls”, balada dançante que mescla momentos mais suaves e sensuais a guitarras sujinhas com riffs mais altos.

Você acha que o bicho vai pegar mas de repente o FF retrocede um pouco. É como se o cara estivesse a meio caminho de você e, do nada, decidisse ir pegar uma cerveja. “Send Him Away”, aconselha a banda de Glasgow na quinta música, e você entra na onda bem de leve. Mas para quem não curte dançar ao som dos anos 80, o álbum pode morrer na próxima faixa, “Live Alone”. Sintetizadores propositadamente ultrapassados (não dá nem pra dizer que são retrô) brincam com a paciência do ouvinte. Mas se você ainda quiser dar uma última chance à banda, ainda há a possibilidade de “Can´t Stop Feeling” te pegar pelas canelas.

O segundo desperdício do Franz reside justamente aí. Se não for pra dançar, não há muito o que fazer com as faixas de “Tonight”. Não são baladas rock, tampouco músicas para assobiar, enfim, não é um álbum que emociona de forma alguma. E, ao fim, Alex Kapranos ainda pede, ao som de um violãozinho bem do safado: “Katherine Kiss Me”. Mas tu é ruim de xaveco, hein?

Anúncios
comentários
  1. Ótima resenha! Bem legal mesmo!Ó já linkei teu blog lá no Clube de Idéias – clube-de-ideias.blogspot.com –Agora aguardamos novas poesias tão boas quanto este texto

  2. Anonymous disse:

    Ana, minha amiga;Você é a pessoa mais antenada que conheço! Sabe tudo de música!Beijos, saudade!Nádia

  3. desde o primeiro álbum já achei que eles eram furada…

  4. Wilbour disse:

    Putz, e eu que me diverti tanto com os primeiros discos…Salvava meus dias na editora. eheheheE o The killers foi no mesmo caminho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s